Eu quero, você – eu quero, tudo: te conhecer, beijar, sentir teu corpo, completar duas semanas, pedir em namoro, quero ser a culpa da briga, ser o motivo do choro, ser o sorriso da sua manha, te dar conselhos, perder meus amigos e ganhar o seus, quero que durma aqui, no meu apartamento, pra mais tarde ser seu, quero, dirigir para vocÊ, fazer comida, seu prato preferido, limpar a casa, lavar sua sujeira, eu quero, tudo. Quero lhe dar múltiplos orgasmos e pagar a sua conta, discutir a relação, quero lavar tudo, da sua calcinha a uma blusa que goste, quero lhe dar banho,  passar o rodo, sufocar voCê ligando, em horário comercial, quero perguntar, como foi seu dia? Na sua chegada. Quando estiver fora, quero preencher a nossa caixa postal, dizendo, dizeres de saudades, sufocar você em um quadrado, onde te contemple todos os dias, do ano, mínimo e mesmo assim, para mim, não é suficiente. Eu quero, você, assim quando casarmos, buscar e levar nosso filho na escola, para te dar descanso e no farol vermelho, a cada parada te ligar, em horário comercial, para te dizer, dizeres de obsessão, quero, gostar menos de mim, para o meu gostar ser só seu e assim, quando encontrar a TPM, usar-me, xingar-me – não ligo, eu quero ser o homem que você sempre sonhou na sala escura do cinema quando era adolescente, com você do meu lado eu sou você,  sendo você eu sou perfeito, quero você, pensar a frente, de nós dois e pra sempre cozinhar, limpar, transar, buscar, ligar, pagar, ser bonito, assistir, fazer compras, ser amigo, dos seus, fazer, o que gosta, andar onde, no shopping comprar, comemorar anualmente você, existir em mim, assim, nas bodas de prata ser o motivo, pra você saber que eu fui perfeito. Mas no dia seguinte das bodas, estarei envenenado por você, porque pela primeira vez descobriu que a perfeição sempre morre e do lado de fora do seu ego existe um mundo.

Anúncios